CAMINHÃO DA PREFEITURA DE COLORADO É APREENDIDO FAZENDO FRETE PARTICULAR A MANDO DE SECRETÁRIO

60f0b259c07262f26fa2146632bc7dde

O fato aconteceu por volta das 16h desta quinta-feira (18), na saída para Cerejeiras, em frente ao Parque de Exposições.

Conforme relatado, vereadores já haviam percebido o movimento estranho de caminhões, transito para fora do perímetro urbano, e como o dia passou sem chuva, os vereadores pediram para que alguns serviços fossem agilizados, aproveitando a estiagem, porém não foram atendidos, mais também não se sabia onde os caminhões estavam trabalhando.

Os vereadores vinham monitorando a rota dos veículos, já que os traballhos estavam lentos, e quando um dos caminhões, já estava trafegando na BR 435, os vereadores solicitaram que o caminhão parasse, e ao questionar o motorista quando ao que carregava e qual era o destino, o mesmo confirmou que transportava pó de serra e estaria levando para um confinamento de gado na Linha 5 Rumo Escondido.

Com a informação, a Policia Militar foi acionada, que compareceram imediatamente. A Policia Militar, conduziu o caminhão até a Unisp, para que seja lavrado um Boletim de Ocorrência, e demais esclarecimentos.

O secretário de obras Almiro Dias será chamado para prestar esclarecimentos. O motorista informou que estava apenas cumprindo ordens, e que outro caminhão já havia levado mais pó de serra para a fazenda, que segundo o motorista, o fato se deu conta mediante o proprietário ter fornecido cascalho a prefeitura, porém, os vereadores argumentaram que nenhum registro ou autorização havia para legitimar a ação.

Apesar do caminhão ter sido adquirido junto ao MInistério do Desenvolvimento Agrário, para ser utilizado para ajudar o homem do campo, não havia nenhum documento, bem como algum registro oficial que legalizasse a ação, bem como esclarecido o porque do atendimento a um grande produtor, ja que o objetivo é o atendimento de pequeno produtores.

“ É inaceitável uma coisa dessa, os sitiantes padecendo sem estradas, as ruas da cidade sem condições de trafegar, e utilizar dois caminhões para um serviço particular, o povo não merece tamanho descaso”, destacou o vereador Ronaldo Rodrigues.

Para Evandro, tal situação passou dos limites, “mesmo que o proprietário do confinamento tenha fornecido o cascalho, essa ação deixou o município sem nenhum caminhão disponível, afrontando toda comunidade”, disse Evandro Prudente, presidente da Câmara. Também estiveram acompanhando a situação os vereadores Gercino Garcia, Moacir Rodrigues e Fábio da Baúflex, que também reprovaram a ação do secretário.

FONTE: Por Conesul Acontece

DA REDAÇÃO DO HOJERONDONIA.COM

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

E-mail: hojerondonia@gmail.com / wilmergborges@hotmail.com