EM SEU VOTO, MINISTRO-RELATOR DO CASO ROSANI DIZ QUE DECISÃO DEVE SER CUMPRIDA INDEPENDENTE DE RECURSOS PENDENTES

951413e99903a8aa62f4d28695c288bf
Defesa da prefeita deve emitir nota para comentar decisão
Autor do voto mais duro contra a prefeita de Vilhena, Rosani Donadon (MDB) no TSE, o ministro Admar Gonzaga, relator do recurso contra a mandatária, determinou que o TRE e o Juízo Eleitoral local adotem providências para a realização de nova votação na cidade. A mandatária teve o mandato cassado hoje por 5 a 1.
No trecho final de sua fala, o magistrado ainda acrescenta uma outra decisão: a sentença dever ser cumprida a partir da publicação do Acórdão, independente dos recursos a que Rosani ainda tenha direito nos tribunais.
Segundo um advogado que atuou no caso, ouvido pelo FOLHA DO SUL ON LINE, a expectativa é que, após ser notificada, a prefeita seja obrigada a entregar o cargo. Neste caso, assume o presidente da Câmara, Adilson de Oliveira (PSDB), que fica encarregado de convocar o pleito suplementar.
A defesa de Rosani deve emitir nota ainda hoje para comentar a situação.
Assista aqui, ou abaixo, o voto do ministro do TSE. O trecho em que ele menciona o cumprimento imediato da sentença começa a partir dos 45 minutos e 20 segundos da gravação.

Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Vídeo da reportagem

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

E-mail: hojerondonia@gmail.com / wilmergborges@hotmail.com