FATOS & VERSÕES: Queda de braço nos municípios para filiar maior número de lideranças políticas

Rojão

É praxe das lojas, quando são inauguradas ou quando fazem promoções, utilizarem a estratégia de chamar a atenção dos clientes disparando rojões. Uma forma de marketing direto e barulhento. Tenho minhas dúvidas da eficácia do método. Pessoalmente como cliente eu prefiro passar longe do comércio que tenta me atrair espocando rojões nos meus ouvidos. E olha que só escuto em um deles.

Queda de braço

Dois partidos trabalham para se tornarem ainda maiores do que são em Rondônia. O PP de Ivo Cassol, que se licenciou do Senado para correr o Estado e filiar o maior número de lideranças políticas, e o PTB de Valter Araújo e Capixaba. A queda de braço é grande, mas em muitos municípios há reais chances de ambos caminharem juntos nas eleições do ano que vem.

Jesualdo

Voz lúcida no parlamento estadual, o deputado Jesualdo Pires (PSB) está bem cotado para a prefeitura de Ji Paraná. Todas as medições de intenção de votos, oficiais ou não, o colocam na dianteira de seus oponentes. Quem poderá lhe fazer sombra é o também deputado estadual da mesma cidade, Euclides Maciel (PSDB) que ora é candidato, ora não é. De qualquer forma Ji Paraná tem neles dois bons candidatos comprometidos com a cidade. Em todas as reivindicações junto ao governo por recursos para o município ao invés de cada um puxar a sardinha para seu próprio prato, costumam interceder juntos por Ji Paraná. É raro.

Kaká

Outro que anda bem cotado para ser prefeito é o ex-deputado Kaká Mendonça, da cidade de Pimenta Bueno. Pesquisam apontam a preferência do eleitor para o ex-deputado que fez mais de 10 mil votos na eleição passada e ficou na suplência de deputado estadual.

João Miranda

Em Pimenteiras um nome começa a ser consenso entre os eleitores. Trata-se do professor e ex-vereador João Miranda, filiado ao PV. O atual prefeito Vino Dondê também tem sido lembrado para a reeleição. Quem anda se assanhando para concorrer à prefeitura de Pimenteiras é o ex-vereador de Vilhena, Clevelmir Ghisi, o Ghisinho. Embora more em Vilhena onde tem comércio, Ghisinho tem casa em Pimenteiras há mais de 20 anos e bate cartão sempre por lá para as pescarias de fim de semana.

Pescar

Resta pra ele convencer os eleitores de que ele não foi lá pescar e eles deram a ele a chave da prefeitura, chavão usado pelo ex-prefeito José Horn, que dizia ter ido pescar em Pimenteiras e recebeu as chaves da prefeitura. Zé Horn acabou cassado pela Câmara de Vereadores por acusação de improbidade e falta de decoro.

Por: Vitor Paniagua:

Hojerdonia.com:

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

E-mail: hojerondonia@gmail.com / wilmergborges@hotmail.com