HOMEM TEM PÊNIS CORTADO POR ESPOSA APÓS SER FLAGRADO COM OUTRO RAPAZ

faca

Vítima chegou a ser atendida, mas o órgão não pôde ser reimplantado. Homem não poderá ter relações sexuais e solução estética é o neopênis. Crime aconteceu após mulher ver o marido na cama com outro homem. Caso ocorreu em Santos, no litoral de São Paulo…

O homem de 28 anos que teve o pênis decepado pela própria esposa após uma traição continua internado em um hospital de Santos, no litoral de São Paulo. Mas, segundo um especialista da Sociedade Brasileira de Urologia, será impossível reconstruir o órgão com todas as funções e o homem não conseguirá mais ter relações sexuais. A agressão ocorreu na última semana e a mulher foi detida em flagrante.

O crime aconteceu após o homem ser flagrado na cama tendo relações sexuais com um outro homem. A mulher dele foi presa logo em seguida. A vítima chegou a ser atendida em uma unidade de saúde da cidade, mas o pênis não foi reimplantado. O paciente não corre risco de morte, está utilizando uma sonda, mas os médicos ainda não sabem qual será o procedimento que será adotado.

Paulo Tadeu Dib, médico urologista e membro da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) e da Associação Americana de Urologia (AUA), acredita que o caso é praticamente irreversível. Segundo o especialista, o pênis poderia ser emendado, se a cirurgia fosse feita minutos depois do acidente porque, segundo ele, o pênis começa a necrosar em algumas horas. Mesmo assim, as chances do implante darem certo seriam pequenas. “Se desse certo, ele não voltaria a ter a função da ereção”, explica Dib.

No caso do jovem de Santos, não é possível realizar a cirurgia porque já se passou muito tempo do corte do órgão. O homem não conseguirá mais ter ereção e nem ter relações sexuais. “Reconstrução erétil é impossível. O nervo que causa a ereção foi lesado. Para readquirir a parte circulatória e do nervo é quase impossível”, afirma o médico. Já em relação à urina, o médico explica que de acordo com o comprimento da uretra ele vai urinar em pé ou sentado.

Mesmo não tendo a possibilidade de reconstrução do pênis, o homem tem uma  alternativa apenas para melhorar a aparência já que as funções não voltarão. “Nesse caso tem que fazer o neopênis, feito por retalho de pele da região pélvica e do abdômen para construir, mas fica muito grosseiro, nunca vai ser parecido com o normal. Não tem função, é só para a aparência”, explica Dib.

Para ter filhos, a melhor opção seria consultar uma clínica de reprodução humana. Já que a única maneira de ter filhos é por inseminação, fazendo a fecundação in vitro ou inseminação em trompa, já que os testículos da vítima foram preservados.

O homem continua internado em um hospital de Santos. O urologista afirma que, já que o rapaz está recebendo atendimento médico há vários dias, não existe mais a possibilidade de vir a falecer. A preocupação, nesse momento, deve ser com algum tipo de infecção que pode ser adquirida no hospital e que poderia agravar o caso.

Do G1 Santos

REDAÇÃO HOJERONDONIA.COM

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Hojerondonia.com – 2011. Um jornal a serviço de Rondônia
HOJE COMUNICAÇÃO PESQUISA E MARKETING LTDA.
Av. Benno Luiz Graebin 4371 - Bairro Jardim das Oliveiras – Vilhena Rondônia.
CEP: 76.980-000 - Fone: 69-8449 2812 /9955 0386 / E-mail: hojerondonia@gmail.com / wilmergborges@hotmail.com